não, não tem problema, pode tirar o sapato.

(senta aí. tem coca na geladeira e cuca de quechimia no forno)

quarta-feira, 13 de abril de 2011

adoro piano, mas também sou muito bom na gaita e no violão.


11 comentários:

Rodrigo disse...

que coisinha mais liiinda!

Anônimo disse...

Dita, Teu filho é lindo demais não canso de repetir.
Leila

Débora disse...

Ownnn!!!!!

Anônimo disse...

Lindo seu filho!
As sacadas dele são incríveis, e eu particularmente acho fascinante a forma como ele interpreta e se relaciona com o mundo adulto. E o pior é que nem todos que tem crianças perto de si entendem como isso é bom...
Beijos
Luciléa

Tina Lopes disse...

Que cena mais linda!

Mari Biddle disse...

Tô babando a cria dos outros. Amor eterno, Theodoro!

cris disse...

Não vejo a hora de apertar muito, muito, muito esse guri de novo =)

Anônimo disse...

Dita, você batizou o Theodoro na Igreja com padrinho? Vale a pena fazer o ritual? Pergunto pois tenho medo de batizar minha pequena e depois os padrinhos desaparecem e ela sofrer. Theodoro está lindíssimo. Um beijo.
Maria

ditavonclaire disse...

mulher, o que eu posso te dizer...
o theodoro foi batizado sim e tem padrinhos. pra ser bem sincera, bastante presente é uma só, que além de madrinha é da família, então tá sempre por aí na volta. ela vai à farmácia comprar remédios quando ele precisa, cuida, faz a comida que ele gosta, compra os filmes que ele quer ver, os livros e tal....em resumo, ela convive direto e por isso o conhece bastante (sabe seus gostos) e ele a adora.
os outros são mais distantes, mas nem por isso menos lembrados por ele (ele pergunta sobre todos, sempre). são pessoas que não tem filhos ainda e estão em outra vibe da vida, tu entende? na realidade, eu acho até que a tua preocupação procede, mas não acho que seja lá um grande trauma...
eu, que não tenho afilhados, sei que o que dia que tiver vou babar, viver grudada, cuidar mesmo, ajudar os pais no que for preciso sempre, mas acho que é uma questão muito pessoal essa.
acho que tem pessoas que dão mais pra coisa que outras como em tudo na vida...
não quebra cabeça com isso, não.
(desculpa não ter podido ajudar, é que acho isso muito pessoal, realmente)
beijo

Anônimo disse...

Parece um boneco de tão lindo!
Parabéns, Dita.

Luiza disse...

Coisa mais querida!!!