não, não tem problema, pode tirar o sapato.

(senta aí. tem coca na geladeira e cuca de quechimia no forno)

quarta-feira, 28 de abril de 2010

(sem escolhas)

esta tarde encontrei(?!) um cara que foi meu colega de escola. coisa de 23/24 anos atrás, sem exagero. estava caminhando na rua em que trabalho, bem faceira, de pança cheia, quando ouvi alguém gritar muito alto(?!), tipo pra rua parar: - macaca brancaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, olha aqui... foi uma cena surreal e impressionante, porque em segundos (dentro da minha cabeça e acredito que nas minhas feições) voltei a ser a menina sem modos, encolhida, arisca e esquisita que durante anos e anos foi a macaca branca da escola e da cidade. no automático eu continuei andando e ele ficou lá parado gritando a mesma coisa. se bobear tá até agora no mesmo lugar esperando eu voltar pra poder rir da minha cara.

2 comentários:

cris disse...

cheguei, tá? ;)

ditavonclaire disse...

mazá. agora, sim.