não, não tem problema, pode tirar o sapato.

(senta aí. tem coca na geladeira e cuca de quechimia no forno)

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

se sou eu que faço um troço desse, tô na fila do seguro desemprego na manhã seguinte...



certamente, quem tem mais de 30 vai lembrar disso aí e rezar para que não revivam a moda de puxar o vestido/faixa pra deixar fofo. eu sou uma dessas pessoas.

4 comentários:

Suzana Elvas disse...

Cê jura que o seu problema foi com o vestido? Pois eu não consigo deixar de passar mal com a calça do acompanhante: parece que alguma coisa vai explodir ali a qualquer momento - corrão para as montanhas!

ditavonclaire disse...

ele sempre veste este tipo (bem peculiar) de calça, já acostumei.
hahahahhaha.

Débora disse...

Confesso que tbm olhei primeiro a péssima calça, mas aí vi o vestido e tive um déjà vu horroroso! Eca!

chaverdecomlimao disse...

Pra ela até que fica bem esse tipo de roupa. Na verdade, pra qualquer tipo de roupa, é só ter um corpo tipo "cabide". Aí tudo fica bem!
E ele, é de lascar, viu! Que cara mezzo feio! gente (eu acho, pelo menos)...